12.5.06

O limpador de vidros


Chegava todos os dias pontual, vinha cedo como o sol, em breve começaria a correria habitual, num rodopio de pessoas e malas, de onde vêm para onde irão? Têm sotaques diferentes, cada um com o seu perfume, a meio da manhã parava para comer os chinchos que fritara na noite anterior. Já se habituara ao burburinho de fundo, e só o estampido seco dos monstros que aterravam, o alheava das superfícies lisas e finas do vidro. Check-in, duty-free, boarding-pass, arrivals, departures, gate, tudo palavras desconhecidas para António, o limpador de vidros.

8 Comments:

Anonymous Remus said...

Um belo jogo de luz, cor e sombra.
Bem captado.

12/5/06 5:12 da tarde  
Blogger TR said...

bela fotografia e belo texto também!

12/5/06 6:01 da tarde  
Blogger Marco Aurélio said...

Você já viu um fractal?

Um abraço

Marco Aurélio

12/5/06 6:45 da tarde  
Blogger trazmumbalde said...

Este comentário era para aqui?

(...) Já, já vi fractais, ou pelo menos representações deles.

12/5/06 7:03 da tarde  
Blogger Sinapse said...

JC, que texto tão ... olha, escreve que sabes!! :)

13/5/06 12:12 da manhã  
Blogger jc said...

sinapse, que coment tão ... olha, comenta que sabes!! :)
:)
:)

... bons intervalos!

14/5/06 1:36 da manhã  
Blogger Sinapse said...

eheheheh! :))

15/5/06 4:51 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

That's a great story. Waiting for more. http://www.web-site-design-2.info/Careerdesigninpageweb.html Computer security systems pc desktops 1949 dodge truck service manual Free safe anti virus Fitess club proactiv pooh backpack Mirage sport book Lord of the rings elvin alphabet Incorporation of far clauses Audi grille Audi rentals

5/3/07 12:09 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home